Postagens

Mostrando postagens de Março, 2010

Domingo de Ramos - A Natureza do Reino de Deus

Domingo de Ramos A Natureza do Reino de Deus Bispo Ildo Mello (Assista também o vídeo do sermão desta mensagem cliclando aqui)
É uma pena ver que boa parte dos evangélicos ignora o Domingo de Ramos. Alguns, em sua ignorância, chegam até a alegar que isto é coisa de católicos. Por estas e outras, as celebrações evangélicas da Páscoa estão cada dia mais pobres, limitando-se à comemoração do Domingo da Ressurreição. Assim, não apenas o Domingo de Ramos, mas até mesmo a Sexta-Feira da Crucificação está sendo ignorada. Um absurdo, pois o tema central do Evangelho é a mensagem da cruz (1 Co.2.2).
Se pensarmos bem, até mesmo por uma questão pedagógica, seria interessante aproveitarmos melhor as datas festivas para comunicar o seu significado. Por exemplo, um culto temático, cujas canções, encenações, decoração, ramos, leituras bíblicas e mensagem estivessem focadas no evento, contribuiria em muito para a fixação dos ensinamentos deste que foi o primeiro dia da Grande Semana de Jesus na Terra. Quan…

Domingo de Ramos

Domingo de Ramos
Domingo de Ramos from Ildo Mello on Vimeo.Lições extraídas dos eventos que marcaram o primeiro dia da Grande Semana de Cristo na Terra.

Pena que uma boa parte dos evangélicos ignore o Domingo de Ramos. Alguns, em sua ignorância, chegam até a alegar que isto é coisa de católicos. Por essas e outras, as celebrações evangélicas da Páscoa estão cada dia mais pobres, limitando-se a comemoração do Domingo da Ressurreição. Assim, não apenas o Domingo de Ramos, mas até mesmo a Sexta-Feira da Crucificação está sendo ignorada. Um absurdo, pois o tema central do Evangelho é a mensagem da cruz (1 Co.2.2).

Até mesmo, por uma questão pedagógica, é interessante aproveitar as datas festivas para comunicar o seu significado. Por exemplo, um culto temático com canções, mensagem e, até mesmo, "ramos", no dia da celebração do Domingo de Ramos ajudará a fixar a mensagem bíblica.

Domingo de Ramos! Dia em que celebramos a Entrada Triunfal de Jesus em Jerusalém, quando uma multidão, fe…

Domingo de Ramos - Natureza do Reino de Deus

Domingo de Ramos from Ildo Mello on Vimeo.Lições extraídas dos eventos que marcaram o primeiro dia da Grande Semana de Cristo na Terra.

Pena que uma boa parte dos evangélicos ignore o Domingo de Ramos. Alguns, em sua ignorância, chegam até a alegar que isto é coisa de católicos. Por essas e outras, as celebrações evangélicas da Páscoa estão cada dia mais pobres, limitando-se a comemoração do Domingo da Ressurreição. Assim, não apenas o Domingo de Ramos, mas até mesmo a Sexta-Feira da Crucificação está sendo ignorada. Um absurdo, pois o tema central do Evangelho é a mensagem da cruz (1 Co.2.2).

Até mesmo, por uma questão pedagógica, é interessante aproveitar as datas festivas para comunicar o seu significado. Por exemplo, um culto temático com canções, mensagem e, até mesmo, "ramos", no dia da celebração do Domingo de Ramos ajudará a fixar a mensagem bíblica.

Domingo de Ramos! Dia em que celebramos a Entrada Triunfal de Jesus em Jerusalém, quando uma multidão, festiva, o recebeu…

Dez virtudes que fizeram de José um vencedor

Tinha sonhos, uma visão do plano de Deus para sua vida (Gênesis 37:5).Confiava no amor e no cuidado de Deus – Sabia que Deus o amava. Sentir-se amado por Deus faz muita diferença na vida!Andava por fé e não se deixava abater pelas circunstâncias. Muitos desanimam em sua fé e outros tantos chegam a blasfemar de Deus diante de provações menores do que as que José enfrentou.Era otimista – conseqüência natural de sua fé no amor de Deus e na sua Palavra, na visão que tinha do plano de Deus para a sua vida.Era paciente e aprendeu a esperar em Deus – foram treze anos de grande provação: Odiado pelos irmãos que o invejavam; foi colocado no fundo do poço, pensaram em matá-lo, mas acabaram vendendo-o como escravo. Foi acusado injustamente e condenado à prisão. Experimentou a solidão e o desamparo familiar.Via cada crise e dificuldade como uma oportunidade de crescimento – não se deixava abater – se sentia desafiado pelas tribulações. Adaptava-se facilmente a cada uma das situações adversas e lo…

Esaú e Jacó

Imagem
Lições extraídas dos conflitos entre os irmãos Esaú e Jacó

O chamado de Abraão que se cumpre em Cristo e sua Igreja

Vocação Universal da Igreja from Ildo Mello on Vimeo.VOCAÇÃO UNIVERSAL DA IGREJA - “CHAMADOS PARA FORA”

Certa vez, alguém me fez a seguinte pergunta: "Por que foi que Deus escolheu um povo em detrimento dos demais?" Respondi dizendo que Deus ao escolher Israel, não o fez em detrimento, mas, sim, em favor de todas as demais nações da terra.

As raízes da formação do povo hebreu são descentralizadoras e missionárias, pois nasceu recebendo o apelo missionário de beneficiar a todos os demais povos com a mesma bênção com que foi contemplado por Deus. Abraão foi abençoado por Deus para se tornar uma bênção para todas as demais famílias da Terra (Gn 12.3). Ele não deveria represar a bênção em si mesmo ou em sua própria família. Deus é criador de todos, ama a todos e oferece graça e bençãos a todos os povos, línguas e nações. O livro de Gênesis mostra isto com clareza.

Observasse o seguinte padrão nas narrativas registradas nos onze primeiros capítulos de Gênesis. Cada uma das quatro na…

Mensagem Desafiadora aos Pastores

Cenas selecionadas do louvor, mensagem e orações do culto da Imel de Rudge Ramos

Uma série de Áudio Mensagens em MP3

Sinais do Fim

Imagem
Muito se especula sobre os finais dos tempos, principalmente quando nos deparamos com catástrofes seguidas como os terremotos do Haiti e Chile.
Alguns chegam ao disparate de marcar datas. 2012 está chegando!

Mas, o maior de todos os profetas, Jesus, o próprio Filho de Deus, é quem pode nos ajudar nestas questões, pois falou muito a este respeito.

Vejamos algumas lições extraídas do capítulo 24 de Mateus.

Bispo Ildo Mello

O Filho Pródigo

Imagem
De volta pro meu aconchego!

Que expressão sublime! ˜Estou de volta pro meu aconchego”! Hum! Que alívio! Que conforto! Que felicidade e que paz não experimentamos quando retornamos ao lar!

Esta mesma sensação experimentou o Filho Pródigo, sim, o rapaz daquela famosa parábola de Jesus, ao receber aquele aconchegante abraço de seu amoroso pai.

Sabe, aquele moço havia passado muito tempo longe de casa. Iludido pelo fascínio do novo e do distante, ele desprezou o velho e bom convívio do lar, e acabou virando as costas para o pai, e partiu para uma terra distante numa busca desenfreada por aventuras e insaciáveis prazeres.

Desta maneira, ele deu muitas cabeçadas na vida e acabou quebrando a cara, experimentando, assim, muita dor e desapontamento. Abandonado e desprezado por todos, num estado de ruína e humilhação, ele chegou ao ponto de passar fome. Sua fome era mais do que uma fome de pão, pois estava também com fome de felicidade, com fome de paz, com fome de vida... De fato, ele estava …

O Filho Pródigo