10 absurdos ensinos dispensacionalistas


Existem muitos absurdos no ponto de vista dispensacionalista, citarei aqui apenas 10:

  1. O Ensino de que Deus teria dois povos; 
  2. O ensino de que os apóstolos de Jesus representariam Israel e não a igreja em grande parte dos escritos dos Evangelhos, cujos textos passariam a não ter nenhum ensino para nós, como Igreja. Exemplo: O Sermão do Monte e o Sermão das últimas coisas.
  3. O ensino de que existiriam dois Evangelhos, um para salvar gentios na era presente e outro para judeus no período da Grande Tribulação. Mas Paulo expressamente advertiu: "Se alguém vos anunciar outro evangelho além do que já recebestes, seja anátema" (Gálatas 1:9);
  4. O ensino de que haveria mais de duas vindas, dividindo a Segunda Vinda em duas ou três etapas; 
  5. O ensino de que a Igreja não passaria pela grande Tribulação; 
  6. O ensino de que o arrebatamento seria um evento secreto, separado por 7 anos da Segunda Vinda gloriosa e manifesta de Cristo;
  7. O ensino de que haveria possibilidade de salvação após o arrebatamento da Igreja
  8. O ensino de que o anticristo seria, de fato, antisemita, pois, para eles, quando ele surgir, a Igreja já terá sido arrebatada e não poderá ser perseguida por ele, restando a ele perseguir apenas os judeus; 
  9. O ensino de que a sétima e última  trombeta, que anuncia a Vinda do Senhor e promove a ressurreição dos mortos e o arrebatamento da Igreja, não seria, de fato, a última, pois creem em múltiplas Segundas Vindas de Cristo e em múltiplas ressurreições.
  10. E o ensino de que haverá muitos juízos finais

Comentários

  1. O nº 4 foi o primeiro absurdo que descobri....

    ResponderExcluir
  2. A 4,5,6,7 ja sao questionaveis,pelo.que sei existem tres correntes de interpretaçao,nenhuma delas pode afirmar total certeza ,so o tempo dira.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Uma exortação para que haja ordem e decência nos cultos

Lições extraídas da história de Mefibosete

A Igreja passa pela Grande Tribulação?