Salmo 122.1


“Alegrei-me quando me disseram: Vamos a casa do SENHOR.”
Salmos 122:1

Quantos se alegram de fato em ir para a casa do Senhor?

Um pouco sobre o Salmo 122.1

Infelizmente, o que mais vemos hoje em dia, são outros verbos sendo conjugados, mesmo que mentalmente, quando chega o domingo.
Muitos trocam o “alegrei-me” por qualquer outra coisa:
Reclamei...
Encontrei uma desculpa...
Virei para o lado e dormi...
Fui pra Internet, ver TV, pesquisar algo para o trabalho etc


Sim, somos o templo do Espírito Santo e devemos ser igreja no mundo, mas a vida de comunhão na sua igreja é importante (embora o inimigo vai insistir em dizer que não é...).
Você sabia que você pode abençoar um irmão apenas com seu sorriso?
Com seu abraço consolador?
Com uma oferta?
Com uma breve oração no momento de intercessão?

E que pode ser abençoado da mesma forma?
Quando alguém não vai, o corpo fica mutilado.

Há como repor um momento de dor, em que um irmão precisava do seu abraço, do seu consolo e não teve?
Ou há como repor um momento em que você ouviu aquele texto da EBD que depois edificou tanto a sua semana?

O sorriso que recebi de cada jovem da Colônia que abracei domingo passado iluminou meu dia.
Os testemunhos ouvidos alimentaram a minha fé. Vi, inclusive, pessoas que se sensibilizaram com a história que a Silvia contou e ofertaram com alegria para aquele senhor de cadeira de rodas de Colônia.

Que a nossa oração neste restinho de semana seja:
Pai, ajude-me a administrar meu tempo.
Livra-me das distrações, dos obstáculos, da canseira e dê-me sempre um coração disposto a te servir e ser bênção ao meu irmão.
Restitui a alegria da sua salvação.
Amém!”

Beijos,

Ana Paula Mendes

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Uma exortação para que haja ordem e decência nos cultos

A Igreja passa pela Grande Tribulação?

Lições extraídas da história de Mefibosete