Sete cuidados que os(as) pastores(as) devem tomar em relação ao trato com pessoas do sexo oposto

1. Não fique a sós com alguém do sexo oposto na igreja, escritório, carro, casa, restaurante, cinema, etc. No caso de aconselhamento pastoral, se não puder estar acompanhado do cônjuge, que seja feito em horario de boa circulação de pessoas, em uma sala com porta ou janelas de vidro, com cortina aberta.
2. Não elogie a aparência.
3. Não alise os ombros, braços, etc.
4. Na medida do possível, evite abraçar.
5. Não alimente fantasias sexuais ou românticas.
6. Tenha um mentor espiritual com quem possa confessar suas tentações e pecados.
7. Não se esqueça jamais do temor que se deve ao Senhor (2Co 5.11).

“As palavras dos meus lábios e o meditar do meu coração sejam agradáveis na tua presença, Senhor, rocha minha e redentor meu!” (Sl 19.14).

Bispo Ildo Mello

Comentários

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Uma exortação para que haja ordem e decência nos cultos

Lições extraídas da história de Mefibosete

A Igreja passa pela Grande Tribulação?