Como o Rei Davi superou a depressão



Comentários

  1. Palavras de esperança para Aqueles que Lutam com a Depressão
    (Edward Welch)

    O mundo do depressivo é realmente um mundo sem esperança e não está na pessoa a capacidade de sair da situação sozinho. Neste artigo é apresentado passos concretos tendo como base a Palavra de Deus para levar o depressivo a uma perspectiva de restauração, reavaliando sua fé e perspectivas quanto a Deus lutando contra seus próprios sentimentos paralisadores. Existe uma necessidade do conselheiro estimular no aconselhado uma atitude de luta, de busca, de propósito a cada dia, confrontando seus atos com as verdades bíblicas que afirmam que Seus propósitos para conosco duram por toda eternidade.
    O artigo fala de fazer uma declaração de propósito e pedir alguém que leia constantemente o que foi declarado, porque o ouvir não é uma atitude passiva mas sim um trabalho árduo na restauração. Não apenas escutar mas ouvir é que faz a diferença, ou seja, dar importância, meditar no que ouviu, procurar colocar em prática. Tudo é gerado na minha mente. É através dela que estabeleço e destruo conceitos em minha alma.
    O artigo fala também sobre pensar. Enfatiza que os pensamentos dos deprimidos são sombrios, pessimistas, sem esperança e críticos tanto em relação a você mesmo como em relação a outros. Por isso você deve pensar não mais de maneira automática mais proposital, ou seja, seus pensamentos devem ser guiados pelas Escrituras. Precisa haver no aconselhado um desejo real de mudança, e precisa entender que a única razão suficiente para mudar é que foi chamado para representar Deus na terra, Ele é o seu mestre amado e você, um filho, servo, embaixador, etc... você vive por causa dEle.
    Outro conceito apresentado é que a depressão diz algo sobre seu coração, daí algumas perguntas necessárias: “Estou com medo”; “Sou culpado, ou estou envergonhado”; “Perdi alguma coisa”; “Preciso de alguma coisa”; “Estou com raiva”; “Eu quero fugir de alguma coisa”; “Ai de mim”; “Eu não tenho esperança”. O segredo é manter os olhos fixos em Jesus.
    Sabemos que para vencer a depressão exigirá um esforço, um trabalho, um empenho, principalmente da parte do depressivo. Mas, sabemos também que as mudanças são garantidas. Isso porque estamos diante de Deus, que se foi capaz de enviar seu único filho para morrer na cruz em nosso lugar, será que não nos dará juntamente com Ele todas as coisas?

    ResponderExcluir
  2. Deus é o nosso escudo e grande sustentador

    - Texto para Reflexão:(Salmo 3.1-8).

    Neste Salmo Davi está num momento de crise, de depressão e sem esperança por causa das perseguições de seus inimigos. Um dos inimigos é o seu próprio filho Absalão que quer usurpar o seu trono. A sua dor como rei era amarga por causa desta conspiração dentro da sua própria casa. É claro que Davi tinha consciência que tudo era fruto da sua culpa pelo pecado cometido com Batseba e o assassinato de Urias, o heteu.

    A vida de Davi neste momento está complicada e atribulada. Ele é abandonado por quase todos os homens e os seus próprios súditos se tornaram seus inimigos. Por isso, ele afirma que havia se multiplicado os adversários. Muitos se levantaram contra ele. E alguns diziam que não havia socorro para Davi.

    Engano destes, Davi não deixou de ter socorro para o seu coração, tanto que
    o seu clamor pelo Deus da sua vida vem imediatamente ao desabafo. Ele mostra
    o que Deus é para o seu coração:

    1. O Senhor é um escudo ao redor da vida: em oposição às zombarias que Davi estava sofrendo ele diz que Deus é o seu escudo na vida. No meio da desesperança por causa da opressão dos seus inimigos, a esperança brota no coração quando ele olha para o alto e vê que tem um Deus que é o seu escudo, o seu auxílio, a sua fonte de coragem. Deus estava com Davi para protegê-lo dos seus inimigos e esta verdade faz o coração de Davi encontrar alívio. Na vida nunca podemos nos esquecer que Deus é o nosso escudo, ele nos protege,
    ele nos orienta, ele não permite que sejamos destruídos nunca. Ele sempre está ao nosso lado.

    2. O Senhor é o que ouve a oração e responde no tempo certo: Davi diz que com a sua voz clama ao Senhor e ele do seu santo monte lhe responde. Quanto mais Davi ficava inquieto diante da opressão dos seus inimigos, ele repousava em Deus no clamor diante dele. Era algo que fazia parte da prática de Davi. No momento de dor, angústia e crise, ele clamava a Deus. E sabia que haveria uma resposta da parte de Deus para o seu coração. Deus é o nosso escudo e quando clamamos a ele, ele nos responde. Ele mostra que os perigos só são enfrentados por causa do cuidado dele em nos proteger.

    3. O Senhor é o grande sustentador da vida: Davi já está mais confortado diante da perseguição de Absalão. Depois de ter no coração a certeza de que Deus é escudo, de que ele ouve e responde as orações, ele diz: Eu me deito e durmo; acordo, pois o Senhor me sustenta. Interessante que quando estamos aflitos temos dificuldades para pegador no sono e dormir tranqüilos. Davi não só dorme tranqüilo como acorda com a sensação do cuidado de Deus na sua vida. Davi não é tomado pelo temor que tira o sono, ele dorme e acorda com o coração confiante na ação de Deus para todos os pormenores da sua vida. Como precisamos desta certeza no coração para dormir e acordar com a certeza de que Deus nos sustentará sempre. Aconteça o que acontecer dormiremos na paz do eterno Deus. Davi entra em descanso porque ele confia em Deus. Nós devemos fazer o mesmo porque confiamos no nosso Deus.

    4. O Senhor é o grande Salvador: Davi caminha para o final do Salmo afirmando que ele não tem medo dos dez milhares de pessoas que se puseram contra ele ao seu redor. Por que? Porque ele recorre ao seu Senhor e pede que o salva. Ele diz que Deus é o seu Deus. Ele diz que a salvação vem do Senhor e sobre o povo dele vem a bênção. Absalão pereceu diante de seu pai, não alcançou vitória porque Deus guardou o seu servo Davi. A salvação veio de Deus para Davi. Saibamos desta verdade, Deus é o nosso Salvador, ele nos arranca das trevas e nos leva para o seu santuário de amor. Ele nos livra da morte e nos protege sempre. E pela sua maravilhosa graça derrama a sua bênção sobre nós.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Uma exortação para que haja ordem e decência nos cultos

A Igreja passa pela Grande Tribulação?

Lições extraídas da história de Mefibosete